Abrir
Notícias
10Dez
Enfeites sustentáveis fazem parte da decoração de Natal da CERRP
ImagemCarolina mostra árvore feita com revista do Diário

Nesta época do ano, as ruas avenidas, as empresas e as casas já estão entrando no clima de Natal com decorações cada vez mais bonitas e inspiradoras. Além dos tradicionais enfeites, com árvores, guirlandas, presépios e pisca-piscas, é possível deixar o ambiente bonito e preparado de uma maneira mais sustentável. Dessa maneira ajuda-se o meio ambiente e faz-se economia de gastos.

 Com o reaproveitamento de materiais que seriam descartados, a secretária Carolina Marin, formada pela Unilago como tecnóloga em Recursos Humanos (RH), conseguiu, com aprovação da direção da empresa onde trabalha, a CERRP (Cooperativa de Eletrificação e Desenvolvimento da Região de São José do Rio Preto), criar novos modelos de árvores e enfeites natalinos para alegrar o ambiente em todas as salas do local.

 Com criatividade e um spray de tinta nas mãos, Carol pegou um exemplar da revista Bem Estar, suplemento encartado nas edições de domingo para os assinantes do jornal “Diário da Região”, e o transformou em uma linda árvore estilizada de Natal. Ou seja: aquilo que iria para o lixo virou peça de decoração e tornou o ambiente mais agradável, num clima natalino.

 E quando a criatividade é grande, até o que sobrou de um simples rolo de papel higiênico pode virar objetivo de decoração. Com o reaproveitamento de materiais que seriam descartados, Carolina conseguiu criar vários objetos para a decoração natalina do local onde trabalha.

 Além de árvores produzidas com o descarte da revista Bem Estar do “Diário da Região”, que está enfeitando todas as mesas e balcões da CERRP, Carolina também produziu guirlandas feitas com garrafas plásticas e está finalizando uma grande árvore de Natal com papel jornal.

 E Carolina não esconde de ninguém como fez para produzir as árvores e até ensina, de maneira passo a passo, como se faz. Primeiro é preciso de uma revista inteira e em bom estado. As folhas devem ser dobradas, uma por uma. Nem cola é preciso para prender as folhas. Depois de dobradas, é preciso pintá-la. Uma lata de spray dá para pintar pelo menos 20 árvores. Em seguida, após secada a pintura, cola-se umas miçangas, para simular pequenas bolas, e uma estrela guia na ponta da árvore. O custo disso não passa de R$ 2.