Abrir
Notícias
02Set
Sistema SESCOOP destaca a expressão do cooperativismo no Brasil
ImagemCooperativismo a força que dá certo

 O cooperativismo é um modelo econômico que integra pessoas, incentiva a inovação e produz resultados altamente positivos. Nasceu como um instrumento de desenvolvimento socioeconômico em face da deficiência do Estado, seja na prestação de serviços ou na solução de problemas sociais. Ele é um modo de aliviar efeitos das crises e de contribuir para a redução das desigualdades.

 De acordo com o Portal do Cooperativismo em todo o Brasil são mais de 6.800 cooperativas, subdividas em 13 segmentos diferentes. Só no Estado de São Paulo, são 1.025 cooperativas, das quais 17, assim como a CERRP (Cooperativa de Eletrificação e Desenvolvimento da Região de São José do Rio Preto), são voltadas para o setor de infraestrutura.

 As cooperativas brasileiras somam 14,2 milhões de associados e geram 398 mil empregos. Cinco cooperativas brasileiras estão na lista das 300 maiores do mundo. Presente em 156 países, o cooperativismo possui no mundo todo 2,9 milhões de cooperativas com 1,2 bilhão de associados, que geram 27,2 milhões de empregos.

 A CERRP surgiu, no começo dos anos 70, para em vista da necessidade de levar energia onde o Estado não atuava na época. A permissionária atende hoje mais de 9 mil unidades consumidoras, com aproximadamente 790 quilômetros de redes de distribuição, sustentadas por mais de 11 mil postes, 1.400 transformadores e cerca de 50 mil KVA de potência instalada.

 A área de atendimento da CERRP abrange 13 municípios na região de Rio Preto: Mirassolândia, Onda Verde, Ipiguá, Mirassol

São José do Rio Preto, Guapiaçu, Cedral, Jaci, Nova Aliança, Potirendaba, José Bonifácio, Mendonça e Adolfo.

 A CERRP é uma cooperativa em crescimento, que está sempre investindo, melhorando e inovando para satisfazer as necessidades de seus consumidores e cooperados, nunca esquecendo o respeito, a humildade, a cultura de uma empresa tipo familiar, a segurança, a agilidade, participação e seriedade.

 Nos últimos quatro anos a CERRP investiu mais de R$ 6 milhões, buscando cada vez mais distribuir energia e prestar serviços com qualidade e modicidade tarifária. Um dos grandes investimentos foi a contratação dos serviços de linha viva, procedimento que permite ao operador realizar serviços sem necessidade de desligamento de redes.